Porque os bebês gostam tanto de espelho?

Olá Adorável Mãe!!! Tudo bem com você?

Quem convive com criança, já deve ter percebido como eles são apaixonados por espelhos. Parece um caso de amor, não é mesmo? Hoje vamos entender Porque os bebês gostam tanto de espelho?

A maioria dos bebês sorri, brinca, faz careta, tenta morder e com certeza pode tornar-se uma de suas atividades favoritas. Tudo isso é essencial para o desenvolvimento afetivo e aprendizado da fala.

Aqui em casa desde muito cedo a Lis brinca na frente do espelho, quando ela ainda era bem pequena que não ficava sentada, colocávamos o espelho por cima dela para que mesmo deitada ela pudesse se ver.

Desde que começou andar, nós a ensinamos onde fica o espelho e volta e meia eu a vejo por lá fazendo suas firulas. Nada mais é que uma atividade social. Estão desfrutando da companhia do “outro” e tentando se exibir com suas gracinhas favoritas.

Alguns estudos mostram que a partir de 18 meses os bebês descobrem que na verdade estão vendo a sua própria imagem. A partir de então, começam a se percebem como indivíduo.

Mas como saber se já chegou esse momento?

A Lis tem 15 meses e já fizemos o teste. Percebemos que ela já entendeu que é ela no reflexo do espelho.

O teste funciona da seguinte maneira: Em um momento de distração, faça uma marcação no rosto do bebê sem que ele perceba (nós usamos protetor solar) e em seguida deixe-o na frente do espelho.Se, o bebê tentar tirar a mancha nele mesmo passando a mão no seu rostinho, já descobriu que o espelho é o reflexo dele. Caso ele ignore a mancha ainda não chegou o momento dessa percepção.

Independente do resultado, o importante mesmo é a liberdade para brincarem na frente do espelho explorando suas habilidades linguísticas, desenvolvimento afetivo e de coordenação motora.

Um super beijo

Compartilhe com a gente se você já presenciou alguma gracinha do seu baby em frente ao espelho.

Não deixe de curtir, comentar e compartilhar!

Um super beijo e até a próxima!

Imagem: Revista Crescer

Deixe seu comentário